petroleiroanistiado

A great WordPress.com site

PETROBRAS – ANP é contrária a venda minoritária da Gaspetro.

Deixe um comentário

Para superintendente da agência, negócio é prejudicial ao desenvolvimento do mercado de gás natural brasileiro
A venda de parte minoritária da Gaspetro é prejudicial ao desenvolvimento do mercado de gás natural brasileiro, segundo o superintendente de Comercialização e Movimentação de Petróleo, Derivados e Gás Natural da ANP, Guilherme de Biasi Cordeiro. A declaração do dirigente foi feita durante o XVI Congresso Brasileiro de Energia, realizado na quarta-feira (21/10), no Rio de Janeiro, onde também estava presente o gerente de Gás e Energia da Petrobras, Hugo Repsold.
“A visão da ANP é de que as distribuidoras, assim como as transportadoras de gás natural, precisam ser independentes e não devem estar atreladas aos interesses de uma única companhia”, argumentou o superintendente.
A Petrobras está negociando 49% da Gaspetro com a japonesa Mitsui, o que ainda a manteria no controle acionário da empresa nas mãos da petroleira. A Gaspetro detém ativos em grande parte das distribuidoras de gás natural do país.
Cordeiro disse ainda que a garantia de livre acesso aos gasodutos de transporte deve favorecer o surgimento de novos agentes no setor e o desenvolvimento do mercado de gás natural. “No entanto, a ANP entende que não é possível implementar o livre acesso se o transportador tiver interesse em outros elos da cadeia”, afirmou.
A Transportadora Associada de Gás (TAG), subsidiária da Petrobras, controla as malhas de transporte do Sudeste e Nordeste, incluindo o Gasene e o Urucu-Manaus, e está na lista de ativos que podem entrar no plano de desinvestimentos da estatal. Ainda não se sabe, contudo, se a Petrobras pretende manter o controle acionário da TAG, como deve fazer com a Gaspetro.
Ação judicial
A venda de participação na Gaspetro está sendo questionada na Justiça. Na última semana, a Termogás, empresa de participações do empresário Carlos Suarez, teve deferida uma ação cautelar para que a Gaspetro forneça documentos relacionados à negociação.
A Termogás reúne participações acionárias de Suarez, que foi sócio fundador da OAS em oito distribuidoras estaduais de gás. Em seis delas – Gasmar (MA), Gaspap (AP), CEBGAS (DF), Rongas (RO), Gaspisa (PI) e Agencia Goiana de Gas, Canalizado (Goiagas) – a empresa de Suarez é sócia da estatal.
A liminar foi obtida pouco depois de o governo da Bahia ter notificado a Petrobras sobre a existência de acordo de acionistas que concede ao estado poder de veto e de indicação para cargos de gestão na Bahiagas, da qual a Gaspetro tem 41,5%.
Em comunicado à CVM, a Petrobras disse que, até o momento, a Gaspetro não foi intimada da decisão, e assegurou que a possível venda de participacao na empresa não afeta os direitos garantidos no acordo de acionistas.
A petroleira ressaltou que a conclusão da transação está sujeita à aprovação de seus termos e condições finais pela Diretoria Executiva e pelo Conselho de Administracao da companhia, assim como dos orgãos reguladores competentes.
Fonte: Brasil Energia

Anúncios

Autor: carlosadoria

MANTÉM SUAS UTOPIAS DE 60 ANOS ATRÁS.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s